segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

Medo...
















Uma pessoa muito linda e muito, muito especial, que amo demais, escreveu novamente sobre o medo. Eu já a conheço desde dezembro de 2011 - portanto, há oito anos - e já escrevi para ela sobre medo, em 2012, assim: 
"O medo e a fuga do medo nos levam a lugares de onde nem mesmo nós sabemos voltar, e às vezes é preciso que uma voz de fora nos chame, para que tenhamos ao menos uma leve noção da direção, mesmo que não vejamos o caminho." 
Penso que a reflexão e o autocontrole são os únicos meios para vencer o medo. E continuo pensando na voz de fora, na voz de quem ama. Se a luz da voz externa não nos chamar para a serenidade, o medo não nos deixará sair por nós mesmos, da sua escuridão...

sábado, 28 de dezembro de 2019

2020 se aproxima...

2020 se aproxima...
2019 vai deixar saudades...
A vida é um rio. As gotas que nós somos se encontram e se confundem numa só história, por algum período de tempo.
Desejo toda a felicidade do mundo a cada um de vocês que, de alguma forma, partilhou comigo trechos da sua e da minha vida.
Um abraço muito carinhoso!
Gostaria demais de dá-lo pessoalmente, mas isso não é possível.
Sejam felizes! Sobretudo, lutem pela felicidade, pela realização! Sejam amorosos demais com os que sofrem! Sejam compreensivos demais com os desencontrados! Sejam recíprocos demais com os amorosos! 
Espero estar com vocês em 2020. De algum modo estranho, vocês são parte de minha vida, e eu adoraria um dia nos encontrarmos todos, e passarmos algumas horas rindo muito de tudo que fizemos!

sexta-feira, 6 de dezembro de 2019

Surpresa.

















A maior surpresa da vida 
é descobrir, de repente,
que de todas as pessoas do mundo,
uma se fez diferente,
e tocou em nossos sentimentos
e os bagunçou completamente...

quarta-feira, 27 de novembro de 2019

Caderno de Poesias...















Eu fiz mais que te dar um caderno de poesias, onde lês,
sob o doce disfarce de poemas, a minha alma apaixonada...
Eu te dei foram meus dias, minhas noites e madrugadas,
eu te dei foi minha alma perdidamente encantada de ti!

Eu te dei muito mais que os melhores poemas que já fiz!
E quando te pego lendo, distraída, embevecida, tocada
dos versos, das rimas, das figuras docemente inventadas,
sinto tocar-me a cada dia mais o amor que uma vez senti!

E digo a mim mesmo: como és linda, lendo, tão distraída!
Lês o que, num caderno, carrega a minha própria vida,
e me vejo como um poema feito para estar em tua mão...

Eu fiz mais que te dar um caderno de poemas rimados:
dei-te o maior e mais profundo de todos os apaixonados,
dei-te tudo de mim, meu amor, minha alma, meu coração!

Ano: 2012

domingo, 17 de novembro de 2019

Eu já amei uma nerd...















Eu já amei uma nerd... 
E como foi maravilhoso, quando aprendi o terceiro idioma!
Como foi maravilhoso descobrir todas as constelações do céu!
E como foi maravilhoso porque, aí, conversamos pela primeira vez...
Mas ela... A voz dela era mais linda que todas as palavras, de todos o idiomas...
E seu sorriso mais fulgurante que qualquer uma de todas as estrelas que eu conheci!...



quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Conspiração...















Conspiração é quando o mundo e nossa memória fazem um pacto secreto para que tudo nos faça lembrar sempre de alguém.

sábado, 12 de outubro de 2019

No teu sorriso...















Quando te vi pela primeira vez 
eu só queria te dizer: me leva
para onde quer que seja,
aonde quer que você for, porque
é disso que na minha vida eu
mais preciso:
encontrar em um olhar assim
o meu amor,
e num sorriso lindo como o teu,
o meu sorriso!


sábado, 21 de setembro de 2019

Tudo que eu sei...



Eu não saberia te amar menos que te amo,
as coisas são como são, não como as tentamos,
ou como nos reduzimos a buscar fazê-las ser.
Eu não saberia te amar menos que te amo,
eu não poderia mudar o que eu sinto, ou esconder...
O que eu sei, e é tudo que eu sei, é te amar
na exata proporção que o meu amor me ensina:
sei que começou na primeira vez que eu te vi,
sei que aumenta a cada vez que penso em ti,
e eu não faço a menor ideia de onde ele termina!

sexta-feira, 13 de setembro de 2019

Amor é respeito...















A primeira representação significativa do amor é o respeito! Depois, quando surgem as outras representações, esta permanece sendo a principal! Se alguém não te respeita, esse alguém nunca te amou...  

sábado, 3 de agosto de 2019

Ser como sou...

Queria não sofrer  
pelo que eu perdi,
como também queria, antes,
não ter me apaixonado
pelo que eu ganhei...
O olhar disperso no horizonte,
sonhador ou desiludido,
está entre as coisas
que mais comovem e abalam
a alma,
e assustadoramente para além
de todas as nossas forças reunidas...
Queria não me entregar
ao sentimento por alguém,
ou à dor da mudança do sentimento
pela perda desse alguém.
Mas sou feito do material
que se apaixona,
que não consegue ganhar ou perder
indiferentemente...
O que eu queria, afinal de tudo,
Era não ser como sou,
ou não saber o amor como sei...

segunda-feira, 29 de julho de 2019

Com poesia...















Me deixa regar teu coração
com poesia...
te peço...
me deixa revirar o teu olhar
com a alegria
de quem sabe o quanto ama
e é amada,
e se eu fizer teu coração cantar,
que seja o doce despertar
de uma mulher muito feliz
e apaixonada!...

sábado, 13 de julho de 2019

Tarde...
















O que as pessoas fazem melhor é quererem o que já não têm, para tentarem realizar o que já não podem.

quarta-feira, 3 de julho de 2019

Tentação...

Toda curva proibida
toda estrada interditada
terminava neste doce frenesi...
Ah, sim, houve um tempo
em que eu não pensava em nada
senão somente em ti...
Sonhos e desejos cor-de-rosa,
risos de deliciosa tentação
pele macia de veludo...
houve um tempo em que te dei
o meu querer, meu coração,
meu tudo!
Hoje sofro a separação –
pois as águas claras do amor
às vezes se acabam turvas... –
E tenho saudade da tentação,
do perfume da rosa, do prêmio da flor!...
e daquelas curvas!