sábado, 18 de maio de 2019

Tempo...















Meus queridos
Entrei num ritmo muito acelerado demais, com estudos, trabalhos, afazeres, viagens, apresentações, pesquisas, correções, por vezes por doze, catorze horas do dia.
Tenho procurado responder aqui, visitar meus blogs queridos, mas está muito difícil, por uma questão física e estrutural.
Peço que perdoem a demora de minhas visitas. Procurarei continuar comentando e postando.
Um abraço a todos!!! Saudade.

quarta-feira, 8 de maio de 2019

Prelúdio...

















"Prelúdio" de algo grandioso é quando, por exemplo, uma tímida plantinha brota entre as pedras... ou quando duas pessoas já estão pertinho uma da outra, e ainda não sabem que ficarão juntas pelo restante da vida...


quinta-feira, 2 de maio de 2019

Areias...

O que nunca soubeste não te machucará;
o que nunca soubeste não te mentirá;
o que nunca soubeste não te abandonará;
o que nunca soubeste não te dirá adeus...

         Sarah Brightman
             What you never know









"Nem o mar do tempo pode apagar, nem as outras pisadas poderiam substituir a forma dos teus passos nas areias da minha vida... para mim, só existem e sempre existirão estas marcas, meu amor: as tuas!..."


quinta-feira, 18 de abril de 2019

Força do amor...

Estoril - Foto Cedida* 
*Imagem perfeita do litoral em Estoril. Gentilmente cedida por Maria Rodrigues do excelente blog "Divagar Sobre Tudo Um Pouco" - que recomendo a todos!!

domingo, 14 de abril de 2019

Nada a perder...













Você me perguntaria: por que alguém, ainda que por algo que deseja tanto, mas de que não pode ter certeza, arriscaria perder tudo o que tem?!...
Mas eu respondo que eu arriscaria, sem dúvida alguma arriscaria, sempre arriscaria!...

E respondo ainda que o que eu não posso mesmo compreender, é ver tanta gente que deixa ir embora um sonho que pode valer toda a sua vida, por pura covardia, quando não tem nada, absolutamente nada a perder!


Perdoem-me, estou muito cansado, não tenho podido comentar nos blogs e responder aqui. Mas voltarei a fazê-lo, a partir de segunda!

segunda-feira, 8 de abril de 2019

Janelas...




















Não sabes com quanto mais força que a luz do sol
teu olhar entra em mim como os raios solares às janelas;
não sabes com quanto mais cores me inundas,
com quanto mais brilho que os móveis reluzentes
me fazes resplender, quando me toca o teu olhar...
Se te pareço construção de pedras lavradas, impenetrável,
seguro de mim, austero, sóbrio demais para a paixão,
não sabes com quanta ousadia teu perfume me inunda
ou quanto mais que os ares da manhã primaveril
a uma casa aberta, a essência da tua presença me toca.
Ah, não sabes que eu me impedi de amar o quanto pude!
Mas, quando chegaste, cada janela em mim se abriu,
e o som suave do balançar do arvoredo me inspirou
a te dizer: já que chegastes em minha vida... – fica!...

quinta-feira, 4 de abril de 2019

segunda-feira, 1 de abril de 2019

O sentido das palavras...

















Tentei lhe explicar o sentido das palavras...
Você não compreendeu...
Tentei lhe explicar que ‘eternamente’
não tem outro sentido além do que o dicionário
lhe deu...

Eu vou amar você eternamente,
e por mais que outra definição você procure,
eu insisto:
eternamente não significa “enquanto o amor dure”,
mas
“enquanto eu existo!”

Tome a minha vida por promessa,
e, por favor, se lhe disserem para tentar
entender o amor de outra forma, nem tente.
O meu amor não sabe ser menor que isto –
eu sei que eu vou amar você eternamente!



quarta-feira, 27 de março de 2019

Resista!...


















Às vezes, é preciso lutar, mover-se, enfrentar o que se apresenta, combater... mas às vezes, a única coisa possível é resistir, e esperar com uma paciência sobrecomum que a mudança, que parece tão difícil, aconteça!... Resista!

sexta-feira, 22 de março de 2019

Desencontro...
















   
Não ocorria à flor que o rio cantasse
por sua causa;
ela dizia: “Há tantas flores no caminho!”
E ficava ouvindo, sonhadora,
os cânticos daquele riachinho
com um arzinho de paixão sincera...
E o rio, vendo-a assim, dona da manhã,
do vale e da primavera, perguntava-se:
“Com quem sonhará esta flor maravilhosa?!
Ah! quem me dera, quem me dera
eu pudesse ser o grande amor dessa rosa!...”


terça-feira, 19 de março de 2019

Perfume de violetas...

















Há um perfume de violetas
brincando no ar...
Desconfio que foi a brisa
que trouxe o teu aroma pra mim...
Amor,
por que não vens, também?!...


Poema deixado no caderno de escola de um menino de 13 anos, por uma menina de 12...

quarta-feira, 6 de março de 2019

Mulher!...


 A você, mulher, moça, minha amiga, a minha humilde homenagem pelo dia 08 de março.
Um abraço carinhoso
Um beijo carinhoso
Fe









Sem a mulher, o mundo seria apenas um projeto de paraíso que não saiu do papel... O homem seria apenas um projeto de felicidade que não vingou...